DZG (102) 2017

Fim de ano: época de pensar o passado e o presente para traçar o futuro

Quando chega o fim de um ano, há aquela necessidade de se fazer um balanço. Vejo essa sensação de urgência para avaliar o que passou e traçar novas metas para o ano seguinte surgir em muita gente e, certamente, deve acontecer com você, leitor, porque comigo é sempre assim.

E ao refletir sobre 2017, vejo muito trabalho realizado. Obviamente que muito ainda há de ser feito, mas o importante é nunca deixarmos a inércia nos acometer.

Diante de uma das maiores crises vividas por nosso país nos últimos anos, começamos, em 2017, a dar os primeiros passos para afastar de uma vez por todas a nuvem de retrocesso que se instalou sobre nós.

Mas mesmo com todas as dificuldades, nosso estado não deixou se abater e, da minha parte, como deputado, também segui trabalhando pelos nossos municípios, perseguindo fielmente o propósito de contribuir com uma melhor qualidade de vida de nossa população.

Pensando em contribuir com o aquecimento econômico de nossos municípios, todos nós, deputados estaduais, fomos autores das leis nº 16.566/2017, 16.430/2017 e 16.429/2017, que classificam mais de 50 cidade como sendo de Interesse Turístico. Com isso, possibilitamos que todas elas passem a receber recursos do Dade (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos) para a gestão de ações que promovam o turismo sustentável e, consequentemente, geração de emprego e renda.

Junto com os colegas deputados Vitor Sapienza, também do PPS, e Orlando Bolçone, apresentei a indicação 2.271/2017, para que o governo do estado reative a Loteria Estadual Paulista, assegurando às Santas Casa de Misericórdia do Estado o resultado líquido da sua arrecadação.

Fui também autor da indicação 3.577/2017, solicitando que o governo de SP enviasse à Assembleia Legislativa de SP um projeto de lei complementar, em regime de urgência, para contemplar a revalorização da categoria dos Assistentes Agropecuários, através da equalização salarial com a carreira de especialista. A proposta é dar a valorização condigna a esses profissionais que, em muito, contribuem, para o desenvolvimento do nosso setor de agronegócios.

Não poderia deixar de mencionar as emendas que indicamos neste ano, que beneficiarão diversos municípios paulistas. Isso sem contar as indicadas em anos anteriores e atendidas em 2017, que resultaram em melhorias para outros tantos.

Percorri todo o nosso estado. Conheci pessoas incríveis. Gente disposta a ajudar na construção de uma sociedade melhor, gente aberta a aprender. Gente honesta e trabalhadora. Gente querendo dar ideias para nosso estado e país avançarem.

Em muitos desses municípios, conversamos sobre as carências locais, em outros, as soluções para estabilizar a economia. Discutimos sobre o agora e o futuro e, com isso, a necessidade de mudanças na política. Foi nesse campo produtivo de conversa que debatemos sobre o Parlamentarismo em algumas cidades, por meio da Frente Parlamentar Franco Montoro em defesa do Parlamentarismo, da qual sou coordenador.

Enfim, foi mais um ano de muito trabalho e empenho. Um ano para arregaçarmos as mangas e trabalharmos na ideia de somarmos esforços. Ao terminarmos 2017, desejo, além de paz e saúde, que renovemos nosso espírito de boa vontade para, cada qual com sua contribuição, possamos fazer mais por nosso país, por nosso estado, por nossa gente. Feliz 2018!

Davi Zaia
Deputado Estadual – PPS

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer participar?
Contribua com sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *