IMG_5168

O Brasil precisa contar com todos nós

Vimos recentemente uma forte movimentação no cenário político em virtude de uma possível candidatura do apresentador de televisão Luciano Huck à presidência da república nas eleições do ano que vem. Toda essa especulação acerca da inserção de Huck no processo eleitoral se findou no último dia 27, quando se manifestou claramente, por meio de um artigo, que não seria candidato.

Mas embora a discussão sobre a candidatura do comunicador tenha se acabado, a situação toda suscita uma reflexão sobre o papel do cidadão em nossa sociedade.

Em seu artigo sobre a “desistência” de se tornar candidato, Luciano afirma que o Brasil pode contar com ele, mas não como presidente. A meu ver, aí está a chave de tudo.

Diante de um cenário de descrédito, de desânimo popular, sabemos que é difícil acreditar em avanços. Mas devemos acreditar em nós mesmos como agentes de transformação. Se queremos mudança, devemos fazê-las. Como?

Simples! Exercendo nossa cidadania. Sendo participativos. O Brasil precisa contar com todos nós.

A exemplo de Luciano Huck, que demonstra interesse em participar ativamente das discussões que envolvem nosso país, propondo soluções, apontando o que pode ser melhor, acredito ter chegado a hora de cada um de nós fazer a nossa parte e, de ação em ação, somarmos nossas forças.

Seja na política partidária ou em movimentos organizados, o que importa é promover atitudes que, como o próprio Huck mencionou, se revertam em transformações capazes de tornar o Brasil “de um país à deriva em uma nação de verdade, que possa de uma vez por todas refletir a qualidade indiscutível do seu povo”.

Ao contrário do que prega o senso comum, a omissão não nos leva a caminhar, mas ao retrocesso. É hora de contarmos com pessoas que, independentemente de status ou posição, se coloquem à disposição do futuro do Brasil.

Neste sentido, o voto é o começo do exercício da cidadania. É importante? É!Porém, além de escolher os governantes e demais representantes, precisamos nos organizar, diagnosticar nossos problemas, elencar prioridades, apontar soluções cabíveis e construir juntos o Brasil que queremos. É ingênuo achar que haverá um “salvador da Pátria” se não nos mexermos e somarmos esforços. Não haverá! Portanto, passemos juntos pela “Odisseia” em favor de nosso país.

Davi Zaia
Deputado estadual – PPS

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer participar?
Contribua com sua opinião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *